Fale Conosco
Notícias
CRÉDITO IMOBILIÁRIO
02
Jan
2020
Crédito imobiliário da poupança cresce quase 60% em novembro

Crédito imobiliário da poupança cresce quase 60% em novembro

O crédito imobiliário com recursos da poupança teve, em novembro, seu melhor resultado do ano, com a liberação de R$ 7,78 bilhões. O volume aumentou 59,6% em relação ao mesmo mês de 2018 e 3,3% na comparação com outubro, confirmando os sinais de recuperação do setor.

Com isso, novembro foi o mês mais forte para o financiamento imobiliário desde maio de 2015, quando o setor já havia mergulhado em uma de suas mais graves crises.

No mês passado, foram financiadas 28,9 mil unidades nas modalidades construção e aquisição. O número recuou 2,5% em relação a outubro, mas cresceu 46,3 % frente a novembro do ano passado.

A Caixa liderou o setor neste ano, financiando R$ 22,813 bilhões nas modalidades de aquisição e construção de janeiro a novembro. O volume equivale a uma participação de mercado de 32,6%. O Bradesco ficou em segundo lugar, com R$ 16,206 bilhões (23,1%). Terceiro colocado, o Itaú Unibanco financiou R$ 14,796 bilhões (21,1%).

Apesar do aumento da demanda, o setor teve de lidar, neste ano, com a perda de competitividade da poupança. Entre janeiro e novembro, a caderneta teve saques líquidos de R$ 1,2 bilhão. Apenas no mês passado, a captação líquida foi positiva em R$ 3,05 bilhões.

FONTE: VALOR ECONôMICO

Comente essa publicação